seguros-saude

Saúde espiritual! Saúde emocional!

Olá gente querida. Quero hoje em algumas linhas falar um pouco sobre saúde espiritual, saúde emocional. A todo momentos novas “igrejas nascem” ao redor do mundo. Todos os dias um novo “conjunto de doutrinas” ou como você preferir nomear são apresentados a milhares de pessoas. Um pacote de “promessas divinas” são colocadas diante dos “olhos” das pessoas e o mercado da fé cresce mais e mais. O que era para ser algo simples, sadio, verdadeiro, honesto, se tornou num “ambiente” de manipulação e engano onde muitos em nome de “deu$” usam e abusam da boa vontade de gente simples que movidos muitas vezes com um coração sincero, usam a fé que Dele receberam para crescerem na vida. Porém, ao invés de promoverem algo que cure as feridas da alma das pessoas, na verdade muitas ficam ainda mais “doente”. Nossa saúde espiritual não depende de um “pacote” de bênçãos de Deus oferecidas por um “sacerdote”, aliás, quem Nele crê e anda em seus caminhos, sabe que já é abençoado em todas as coisas e não precisa correr atrás de benção alguma. O que muitos não compreenderam ainda, é que até mesmo as adversidades servem para melhorar nossa saúde espiritual. Nas adversidades descobrimos o quanto vivemos as verdades espirituais que aprendemos com Jesus nos evangelhos. Uma boa saúde espiritual está diretamente ligada ao quanto compreendemos, ainda que muito limitadamente, é o amor de Deus para com cada um de nós. Jesus ressaltou dois mandamentos que são a base para nossa saúde espiritual:

  1. Amar a Deus sobre todas as coisas;
  2. Amar ao próximo como a nós mesmos.

 

Olhando para isso, percebemos rapidamente o quanto vivemos Nele, o quanto vivemos para Ele, o quanto Ele já transformou as nossas vidas. Pessoas que vivem presas ao seu passado desastrado, que vivem se magoando com palavras, menosprezando o seu próximo, desvalorizando o bem que por outros é feito, são apenas alguns dos muitos sintomas de que sua saúde espiritual não está nada bem. Nossa saúde espiritual depende muito de como está a nossa alma, ou seja, nossos sentimentos, emoções, etc. Todos cometemos erros e quem diz que não comete, já errou ao assim declarar. A grande questão não é o “erro em si”, mas o que fazemos na próxima oportunidade que temos de melhorar e evitar um erro que afete nossa alma e nos faça perder o equilíbrio. Na minha simples concepção, o mal do mundo está ligado a um sentimento pelo qual muitos outros aparecem e destroem a alma do ser humano: ANSIEDADE. As pessoas vivem ansiosas com tudo e vou citar apenas algumas situações que mostram essa realidade:

  • As contas a pagar;
  • Os filhos para criar;
  • A casa a comprar;
  • O carro para manter;
  • O trabalho a desenvolver;
  • As metas a alcançar e quando não alcançadas, geram frustração;
  • Um amor não correspondido;
  • Alguém que lhe olhou de forma indiferente;
  • A falta de perdão;
  • E tantas outras coisas que poderia aqui descrever.

 

A ansiedade por sua vez, acaba gerando outros sentimentos que vão “pressionando” nossa alma até que perdemos o controle das coisas e adoecemos. Por isso, é preciso que estejamos atentos o tempo todo a maneira como reagimos ao que está a nossa volta, sejam pessoas, situações e até mesmo coisas que roubam nossa “paz”. A maneira como Jesus lidava com cada situação do dia a dia, mostra Nele o equilíbrio mental o que por consequência mostra a saúde espiritual em que Ele vivia. Seus ensinamentos até hoje repercutem no coração daqueles que decidiram ser discípulos Dele e que compreenderam a simplicidade da vida. Complicamos coisas simples, até mesmo uma resposta a uma pergunta que a nós é feita por alguém. Muitas respostas que damos são resultado das nossas frustrações e queremos transmitir ao próximo aquilo que em nós mesmos não resolvemos. Por outro lado, para se ter uma saúde espiritual equilibrada, não significa ir adotando todo tipo de doutrina ensinadas mundo afora. É preciso tranquilidade e serenidade para crescer na vida espiritual e não é ir fazendo tudo o que dizem ser de “Deus”, mas ir absorvendo aquilo que ao ouvir lhe traz paz ao coração. A paz deve ser o árbitro das nossas decisões, pois toda decisão precipitada na maioria das vezes traz consequências das quais gostaríamos de nos livrar rapidamente. Não podemos porém esquecer, que toda ação produz uma reação, toda decisão gera consequência, portanto temos de estar preparados para lidar com estas situações e encará-las sem medo e prontos a sermos melhores a cada novo amanhecer. Não há saúde espiritual sem equilíbrio emocional. As duas coisas andam juntas e refletem em nossa maneira de ser e de viver no dia a dia. O meu convite a você é o que sempre digo: siga os ensinamentos de Jesus sem criar “misticismos”, sem criar expectativas “mirabolantes” sobre a fé, mas com a certeza que Deus tem cura para toda e qualquer ferida que exista em nossa alma, pois só Ele tem a paz que excede todo o entendimento e um amor incomparável, incalculável, imutável. E porque Ele nos ama, deu a prova entregando seu Filho Jesus Cristo para morrer por nós e levar sobre si a culpa que outrora estava sobre nossos ombros. Decida andar com Jesus, decida andar em Jesus! Entregue-se a Ele de corpo, alma e coração, pois o seu espírito renasce a partir de uma decisão consciente que só Ele tem palavras de Vida Eterna que podem mudar a nossa sorte. Eu creio! Queres crer comigo? Um abraço e que Deus abençoe sua vida em todas as coisas.

 

No amor de Jesus para servir,

Geziel Freitas.

 

 

Nele somos um e andamos na simplicidade do Evangelho, em Jesus!

Olá gente querida. Quero compartilhar com todos um pequeno vídeo com uma rápida cena dos nossos encontros e do batismo que realizamos de duas pessoas queridas que tem caminhado conosco. Temos vivido dessa forma a aproximadamente 3 anos e Deus tem nos abençoado em todas as coisas. Enfrentamos lutas, adversidades, mas juntos nos fortalecemos no Senhor e seguimos em frente, pois o que nos espera é muito maior do que tudo o que podemos passar aqui nesta vida. Que Deus abençoe sua vida e a sua casa em todo o tempo.

“E todos os que criam estavam juntos e tinham tudo em comum – Atos 2:44″… É simples assim, e assim cremos e vivemos!

No amor de Jesus para servir,

Geziel Freitas.